Voto sobre impeachment

Em meu voto no processo de impeachment, na última 5a feira, divergi do relator original e defendi que se aplicasse ao processo contra a presidente Dilma Roussef o mesmo rito que foi adotado no impeachment do presidente Fernando Collor. Minha posição foi acompanhada pela maioria do Tribunal. Num ambiente de muitas paixões e desatinos verbais, preservar a jurisprudência e os ritos já adotados era a solução mais adequada. Com serenidade, penso que o STF definiu as regras do jogo. Agora, é com a política. Abaixo o voto escrito e o vídeo (o voto começa no minuto 11:50, após um debate procedimental).

ADPF 378 – Anotações para o voto_VERSÃO FINAL_18DEZ2015